Os 4 principais modelos de negócio em advocacia

O que você achou deste post?

Escritório simples,  boutique, advocacia em massa e escritório de terceirização… Qual é o modelo do seu escritório?

homem

As diferenças podem parecer óbvias, porém muitos profissionais ainda utilizam estas categorias de forma errônea.

Vamos esclarecer, brevemente, cada um desses modelos de negócio jurídico mais comuns. Além disso, daremos uma dica que pode auxiliar no atendimento telefônico do seu escritório. Vamos aos pontos:

Escritório Simples: caracterizado por um negócio de pequena dimensão, pouca demanda ou demanda de menor complexidade. Onde, há busca constante pela redução de custos e, consequentemente, não há muito investimento na busca de clientes.

Escritório de Boutique:  escritório que, basicamente, tem RECONHECIMENTO de mercado. Ou seja, além dos profissionais deste escritório serem altamente especializados, realizarem um atendimento personalizado ao cliente, terem excelente qualidade profissional e intelectual,  estes ainda têm consigo o reconhecimento do mercado (muito diferente de uma auto intitulação) e trabalham com causas de alto valor (assim como honorários, também, mais elevados),

Advocacia em Massa: ao contrário do escritório de boutique, a advocacia em massa trata de casos menos complexos, porém em maior volume, frequentemente voltados a causas Trabalhistas e do Consumidor. Em geral, congrega profissionais que se organizam para atender um volume alto de processos, com o trabalho acontecendo de forma padronizada, e com horários mais baixos. Muitas vezes, há uma estrutura de atração de novos clientes, com causas semelhantes.

Advocacia de Terceirização: em geral, são profissionais que atendem, mais comumente, pequenas e médias empresas, que optam pela redução de custos, mas ainda assim querem qualidade e segurança na gestão de seus negócios. Estes profissionais são responsáveis por demandas variadas, sejam elas cíveis, trabalhistas, administrativas, etc. dentro da empresa, porém, normalmente, estão externos a ela. Uma das atividades mais frequentes, nesta categoria, são as atividades de cobrança extra-judicial e judicial.

DICA: Para todos os modelos citados acima, ter um atendimento telefônico de qualidade e que transmita profissionalismo é essencial para agregar valor ao seu negócio. Hoje, ter Secretárias Compartilhadas da Prestus,  para atenderem ligações dos seus clientes e potenciais clientes, em nome do seu escritório, agendarem consultas e reuniões, enviarem lembretes, efetuarem cobranças, e até mesmo tirar dúvidas rápidas, é tão acessível como o custo de vale transporte de um funcionário dedicado. Agende uma consultoria, grátis, conosco e saiba como fazer mais, com menos custo e atendendo melhor.

Um abraço,
Até o próximo post.

Tem uma opinião sobre esse artigo? Compartilhe com a gente!
Tem uma opinião sobre esse artigo? Compartilhe com a gente!

Sobre Alexandre Borin

Alexandre Borin é CEO da Prestus®, empresa líder desde 2009, em Assistentes Virtuais e Secretárias Compartilhadas 24 horas. Depois de atuar por 8 anos na Ericsson Telecomunicações, indo de trainee a diretor em menos de 2 anos, foi do acúmulo de responsabilidades que teve a grande ideia e decidiu deixar o cargo para fundar a Prestus®, que comercializa o Número Mágico, um número de telefone exclusivo, para você receber e direcionar as chamadas que não pode atender do seu celular ou fixo. Sempre que seu telefone toca, toca e ninguém atende, nossas secretárias compartilhadas atenderão remotamente suas ligações, direcionando as solicitações e pedidos do cliente por email para você, garantindo os seus negócios. Em menos de 1 ano a Prestus® ganhou um Prêmio de Inovação, dezenas de clientes e foi capa da revista PEGN (Setembro/2010). Borin é formado pela UNICAMP em Engenharia Elétrica (curso que iniciou no ITA, em 1995), pós-graduado em Marketing, e MBA Executivo pelo IBMEC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *